Toda Coisa Tem Três Lados (2020)

Toda Coisa Tem Três Lados
Toda Coisa Tem Três Lados

press to zoom
Toda Coisa Tem Três Lados
Toda Coisa Tem Três Lados

press to zoom
Toda Coisa Tem Três Lados
Toda Coisa Tem Três Lados

press to zoom
Toda Coisa Tem Três Lados
Toda Coisa Tem Três Lados

press to zoom
1/8

FICHA TÉCNICA:

Texto: Karl Valentin 

Direção: Luciana Dias

Elenco: Celly de Freitas e Silvana Pequeno

Composição Visual: Cia. de Teatro Encena

Costureira: Maria José

Maquiagem: Ana Valentin e Luciana Dias

Fotografias: Vitória Oliveira

Pesquisa Musical: Cia. Encena

Criação de Luz: Everaldo Vasconcelos

Produtor: Aelson Felinto

 

 

Temporada de Estreia em Fevereiro de 2020

Sinopse

O espetáculo TODA COISA TEM TRÊS LADOS é uma coletânea de quatro textos do Karl Valentin: O Aquário, Na Loja de Chapéu, A ida ao Teatro e Pai e Filho a Respeito da Guerra. As narrativas se interligam com a mise em scène dos palhaços que cria fatos novos e traz a nossa memória músicas da infância, imprimindo um ritmo divertido.

O Aquário trata de como resolver um problema cotidiano com alocação do aquário em casa e sobre a sobrevivência do peixe, expondo o assunto de forma estranha dada a obviedade da narração e explicações. Já Na Loja de Chapéu, o recorte dramático volta-se para as discussões que são criadas entorno da compra de um chapéu novo, com a implicância do comprador e o atendimento da vendedora, acentuando as características marcantes de cada personagem.

Com A ida ao Teatro passamos para uma cena cotidiana caseira, com diálogos hilariantes da esposa e do marido que decidem assistir um espetáculo teatral, de última hora, por ter recebido gratuitamente os ingressos. O último texto do espetáculo Pai e Filho a Respeito da Guerra trata de uma cena comum da vida, em que o filho faz perguntas ao pai sobre fatos da vida: trabalho, existência, sociedade e política.

A coletânea de textos traz cenas da vida cotidiana, estranhamento, brincadeiras e crítica reflexiva de forma divertida, levando o público a pensar no mesmo instante que rir.